ao

Ensina-me a viver

E

 m tempos que, a formação de uma criança para a vida está, de certa forma, comprometida em função do ritmo acelerado que estamos vivendo,  que consumimos as vinte e quatro horas do dia sem nos atermos à que, pois quando nos damos conta, os ponteiros do relógio se adiantaram além do imaginado e nosso corpo e mente já não respondem  plenamente às nossas necessidades, é quando nossos planos passam para a próxima página da agenda mental, e mais uma vez, nos enveredamos em promessas e adiando providências de melhoras. Por este motivo, busco contribuir na formação de uma estrutura emocional equilibrada com mais qualidade de vida.
                       Há oito anos atrás, optei por assumir os cuidados de meus netos no período extra escolar e embalei todos meus planos . Mas não parei de sonhar. Até que vi a possibilidade de conciliar minha arte com os cuidados com as crianças. Transformei minha casa em um espaço de lazer lúdico onde as crianças possam ter acesso à todos os materiais e transformá-los em arte.
                        Enquanto mãe  de três filhos, minha preocupação em acertar era maior do que entender as reais necessidades de cada um deles. Hoje, como avó atuante em tempo integral, essa autocobrança não existe e pude, durante estes oito anos, observá-los e analisar como cada um responde à cada  situação no dia-a-dia.

                                 
Eu sou Cassia Viviani, vovó Cacá e Cacá Brasil, artista plástica.









                                           meus quatro netos
Sarah - minha amiga e companheira

Pedro e Melissa -  meus instrutores para assuntos infantis

Ramom - o caçulinha e meu pedacinho de chuchu